Arão admite metodologia nova com Domènec: “São ideias diferentes, mas vamos nos adaptar o mais rápido possível. Somos jogadores de alto nível”

0 Flares Filament.io 0 Flares ×
(Imagem: Paula Reis / Flamengo)

Com a chegada do novo treinador, Domènec Torrent, o volante do Flamengo, Willian Arão reconheceu que haverá mudanças na forma de jogar da equipe Rubro-Negra, mas que todos estão empenhados em se adaptarem o mais rapidamente às novas ideias do catalão.

– Não sei o que ele conhecia do meu trabalho, de que forma vou continuar jogando. Se são as mesmas ideias, os mesmos movimentos. A gente não sabe ainda. A gente sabe que existem algumas diferenças, algumas mudanças, mas não vou falar porque temos um jogo domingo. Vou tentar me adaptar. Não só eu, como o time todo, para que a gente permaneça nesse caminho de vitórias.

Segundo o volante, são metodologias diferentes entre Jesus e Domènec, o que já era esperado:

– São metodologias diferentes, ideias diferentes. Acredito que inevitavelmente vamos sofrer uma mudança, ter alguma coisa nova. Esperamos nos habituar. Tivemos uma semana de trabalho, e o que esperamos é nos adaptar o mais rápido possível e entender aquilo que ele quer, para que a gente possa colocar em prática e buscar a vitória e os títulos.

Ao ser questionado quais as mudanças, Arão comentou:

– Tem mudanças, isso é inevitável. Assim como o Jesus tinha diferenças para o Abel. Cada treinador tem suas convicções, sua maneira de trabalhar, treinar. Obviamente é diferente. O que estamos tentando fazer é nos adaptar o mais rápido possível para vencer as partidas. Os treinos são diferentes, não é o mesmo tipo de treino, não é a mesma cobrança, ele cobra outros movimentos, outras coisas.

Por fim, o lateral reconheceu a força do elenco para superar a adaptação com o novo treinador em apenas cinco treinos para a estreia do Brasileiro no domingo:

– Somos jogadores de alto nível. Quando aparece uma situação que a gente não consegue resolver e não dá pra conversar com o técnico, dentro de campo, nos 90 minutos, a gente tem que achar uma solução. Estamos no Flamengo por conta disso. Quando aparecerem essas situações, temos que resolvê-las. Se não der para falar com o treinador, temos que nós mesmos, dentro de campo, resolver.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.