A batalha entre Amazon x Americanas para patrocinar o Flamengo. A disputa pelo mercado de e-commerce do Brasil

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

Até segunda-feira tudo indicava um acerto do Flamengo com a gigantesca Amazon para ser a patrocinadora master do Rubro-Negro. Contudo, após declarações do presidente Rodoldo Landim no progama Bem, Amigos!, do canal Sportv, o panorama mudou. O dirigente afirmou que a Amazon não seria a favorita da diretoria e havia uma segunda proposta na mesa.

Nessa terça-feira, surgiu a notícia, através do jornalista Gustavo Henrique, de que  Lojas Americanas seria a concorrente e que teria entrado forte na disputa.

Felipe Ribbe escreveu um ótimo texto sobre o que está por trás desta briga para patrocinar o Flamengo. A resposta: o mercado de e-commerce do Brasil.

Confira:

“As Lojas Americanas controlam a operação da B2W, a maior operação de comércio eletrônico do país — Americanas.com, Submarino.com, Shoptime e SouBarato. Entretanto, apesar do tamanho e da importância nacionalmente, um colosso como a Amazon tem grande poder quando chega em um mercado. Isso ficou claro ano passado, quando, em setembro, a gigante americana anunciou a entrada do Prime (seu programa de assinatura mensal que dá, além de serviços variados, diversos benefícios em compras e entregas) no Brasil. As ações das maiores varejistas recuaram consideravelmente, totalizando uma perda entre elas de quase R$5 bilhões. Só com o anúncio. A B2W recuou 4,83% naquele dia e as Lojas Americanas um pouco menos (3,2%), por ter uma operação física robusta também.

A Amazon, apesar de global, ainda não é uma marca conhecida do grande público no país. Por isso, patrocinar o Flamengo é uma grande oportunidade de ganhar visibilidade e, consequentemente, market share. E se ela ganha participação no mercado, claro, alguém vai perder. Provavelmente por isso, as Lojas Americanas resolveram contra-atacar e “proteger” seu território. Claro que há outras maneiras da Amazon ganhar espaço por aqui, mas ter a marca no peito do clube mais popular do Brasil com um dos maiores times de sua história é uma chance única; por isso, vencer esta batalha seria importante para as operações digitais das Lojas Americanas. Demonstraria força para o mercado e deixaria claro para a concorrente de que vai lutar para manter seu espaço.”

Para ler o texto na íntegra, clique aqui.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.