Rodolfo Landim despista sobre patrocínio da Amazon, quer a permanência do Gérson e vê protocolo no Ninho como exemplo

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

(Foto: Divulgação / Flamengo)

Na noite desta segunda-feira (8), o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, participou do programa Bem, Amigos!, do canal Sportv.

Durante a entrevista, o dirigente disse que a Amazon não é a favorita da diretoria, que há uma segunda proposta na mesa, que a situação deve ser resolvida em três dias e a torcida terá uma surpresa:

– Ela (Amazon) não é nem a mais provável, mas a gente deve estar batendo o martelo em relação a isso nos próximos três dias e vai mandar para a aprovação porque a gente já quer que estampe o nosso uniforme a partir do dia 01 de julho. Mas, eu acho que a torcida vai ficar surpresa quando souber, destacou Landim.

Sobre a possível saída do volante Gérson para o futebol inglês, o mandatário Rubro-Negro afirmou que não chegou nenhuma proposta. E que não pensa no time do Flamengo sem o atleta:

– Não sei se chegou no Spindel (Bruno Spindel – Diretor Executivo de Futebol), no Braz (Marcos Braz – vice Presidente de Futebol), mas no meu ouvido não chegou e eles costumam prestar contas direitinho para mim, não sei se é alguma jogada, alguma coisa assim. A gente adora o Gerson. É rubro-negro e encaixou maravilhosamente bem no time do Flamengo. A gente não quer nem pensar em assunto de venda, elogiou Landim.

Landim também destacou que o Flamengo não pretende realizar mais nenhuma contratação esse ano, em virtude da pandemia do novo coronavírus, que obrigou o clube a cortar os salários dos atletas:

– O Flamengo não vai procurar mais jogador nenhum no mercado, não tem sentido. No momento, se eu chego para o jogador, pedindo para fazer um esforço com o contrato que nós temos, abrindo mão de parte da receita que ele iria ter, para eu ir lá e comprar outro jogador no mercado. Isso foi a mensagem que a gente passou claramente para eles. Vamos contar com esse plantel e não vamos mexer nele, afirmou.

O presidente disse que o sócio que se mantiver ativo nesse tempo de pandemia da Covid-19 será lembrado durante o ano:

– Podem estar certos que o Flamengo vai se lembrar dos sócios que ficaram conosco durante a crise. Aqueles que foram leais, terão retorno disso. Estamos estudando, mas teremos várias formas de praticar isso ao longo do ano, disse.

E, por fim, defendeu o protocolo adotado pelo clube, que está há três semanas sem casos positivos entre jogadores, funcionários e comissão técnica:

– Vamos enfrentar uma maratona este ano e precisamos dos atletas bem preparados. Por isso queríamos uma preparação adequada. Sobre ser correto voltar… o protocolo está sendo feito, com testes. Nosso protocolo foi abraçado pela CBF e Conmebol. Somos referência, podemos nos orgulhar. O protocolo é seguro. Protegemos a família dos nosso jogadores. Sem controle nas férias, tivemos atletas contaminados. Desde que voltamos, há cerca de 20 dias, ninguém foi contaminado. Demonstra que é a forma correta de fazer. Saúde e ciência. Testar e segregar os que eventualmente estiverem doentes. É um exemplo para outras atividades. Acho um bom exemplo, concluiu o presidente.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.