“Seria ridículo pensar que somos melhores do que Flamengo”, afirmou o treinador do Junior

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

(Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

Ao término do jogo, o treinador do Junior de Barranquilla, Julio Comesaña, reconheceu que era bastante provável uma derrota para o Flamengo na estreia da Copa Libertadores por 2 x 1, nessa quarta-feira (4):

“Fico tranquilo. Era bastante provável que perdêssemos para o Flamengo. Mas, digamos, que hoje demos mais um passo na construção da nossa equipe”.

E acrescentou:

“Não tenho nenhum dissabor pela derrota, me sinto bem porque os jogadores fizeram em campo tudo que eu disse antes da partida. Seria ridículo pensar que somos melhores do que Flamengo. Não quero ficar com um discurso conformista ou que estou tranquilo porque perdemos. Devemos analisar as coisas bem. Creio que não há nenhuma discussão de que estamos jogando contra o campeão de vários campeonatos”, disse Comesaña.

E, por fim, teceu elogios ao Rubro-Negro: “O Flamengo é uma equipe desequilibrante, com jogadores que desequilibrantes e com bagagem. Não precisaram ter dez oportunidades para fazer dois gols. Se eles têm duas chances, fazem dois. Fico tranquilo por isso”.

A imprensa colombiana não ficou feliz com esse discurso conformista do treinador do Junior de Barranquilla: “por essa mentalidade que o Junior não se sobressai internacionalmente”, irritou-se um setorista local.

O Flamengo, antes visto como freguês e sem qualquer força nas competições continentais, em seis meses, tornou-se um adversário temido e elogiado por todos.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.