Morre aos 80 anos Marilene Dabus, a primeira mulher a cobrir o futebol no Brasil

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

Faleceu nessa noite, aos 80 anos completados na terça-feira, Marilene Dabus, a primeira mulher a cobrir o futebol no Brasil, vítima de um câncer.

Neste sábado, antes da estreia do Flamengo no Campeonato Carioca contra o Macaé, às 16h (de Brasília), no Maracanã, será respeitado um minuto de silêncio em homenagem à jornalista.

Lançou em dezembro do ano passado sua biografia: “A moça do Flamengo”. Infelizmente não pôde comparecer, pois foi diagnosticada com um carcinoma no pescoço, o que impossibilitaria a fala no momento.

Foi Marilene quem sugeriu Marcio Braga como presidente para o FAF (Frente Ampla pelo Flamengo), que viria sanear o clube. E o assessorava quando ele conseguiu com que a TV passasse a pagar royalties aos clubes.

Confira trecho da coluna de Ruy Castro sobre Marilene Dabus:

Posso imaginar o choque de sua chegada ao campo do Flamengo, seu clube de coração, na Gávea, para cobrir um treino —”menina zona sul, cílios postiços, cabelos Jambert, minissaia e salto alto”, segundo ela própria. As ruas estavam cheias de moças assim, mas o futebol não, daí os jogadores, dirigentes e até jornalistas, a princípio, a olharem com estranheza. Mas Marilene, filha de pai rico, tirava de letra as cantadas e piadas. De uma piada ela gostou: um amigo a chamou de “as melhores pernas do futebol brasileiro” —o que ela era.

Na década de 70 foi assessora de imprensa do Flamengo. Foi ela quem fez a primeira entrevista com Zico quando ele ainda jogava no juniores.
Confira:
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

One thought on “Morre aos 80 anos Marilene Dabus, a primeira mulher a cobrir o futebol no Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.