Ninho da Nação

Tostão: “A tensão é o combustível da alma”

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

Confira a coluna do mestre Tostão, dessa quarta-feira, na Folha de SP:

“Os humanos, especialmente os comentaristas de futebol, adoram descobrir uma única causa, um número mágico que explique o fato.

O Flamengo não tem uma excelente equipe somente por causa do técnico nem por causa dos bons jogadores. O time não é regular e brilhante apenas porque o treinador escala todos os titulares nem teve dificuldades contra o CSA, para o padrão habitual, porque os atletas estavam cansados.

Houve também outros motivos, como a boa atuação do CSA, os muitos erros técnicos, especialmente de Gabigol e de Bruno Henrique, e principalmente porque, após a goleada por 5 a 0 sobre o Grêmio, houve um alívio, uma descontração, uma paz excessiva e uma sensação de dever cumprido, sentimentos que precisam, rapidamente, acabar.

Há um conceito frequente e equivocado de que os grandes atletas, em todos os esportes, são tranquilos, sem problemas emocionais. É o contrário. A tensão é o combustível da alma. A ansiedade aumenta a produção de substâncias químicas e, com isso, a concentração, a agressividade, a força física e a velocidade. É o doping psicológico, desde que não ultrapasse certos limites, ao ponto de a mente perder o controle do corpo.

Pelé, o Rei, entrava no vestiário, antes do jogo, e ia para um canto. Deitava, esticava as canelas e fechava os olhos. Espantava o medo da derrota e do fracasso. Ninguém podia importuná-lo. Não sei se pensava no jogo, se dormia e/ou se sonhava, literalmente, com os gols que faria.

Eu, um bom coadjuvante, dormia mal na véspera das partidas. Quanto mais preocupado com o jogo, melhor atuava.

Não é correto dizer que Jorge Jesus escala todos os titulares em todas as partidas. Na maioria dos jogos, há sempre uns dois ou três de fora, por causa de convocações, suspensões e contusões. Assim é também na Europa. O Grêmio, se não tivesse escalado todos os reservas em muitos jogos, nos anos de 2016 e 2017, quando ganhou a Copa do Brasil e a Libertadores, teria chance de ter vencido também o Brasileiro. Uma das razões de o Cruzeiro estar na zona de rebaixamento é ter escalado todos os reservas em vários jogos.

Jorge Jesus é um ótimo observador. A capacidade de ver, uma importante virtude que tem sido desprezada, é o farol que ilumina os números.

Não existe uma única razão que explique os fatos. O futebol e o mundo são muito complexos. Nós é que tentamos simplificá-los, com nossas racionalizações e lugares-comuns. O corpo e a alma funcionam por meio de associações biológicas, de pensamentos, de sentimentos e de ideias. Somos muitos em um só”

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *