Ninho da Nação

Brasileirão 2019: Flamengo 1 x 0 CSA

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

Após a classificação épica de quarta-feira, o Flamengo entrou em campo nesse domingo e arrancou uma vitória à fórceps contra o valente CSA, por 1 x 0.

Alguns pontos:

– O Rubro-Negro chegou a 67 pontos e igualou a pontuação do próprio clube em 2009, quando conquistou o hexacampeonato brasileiro.

– A diferença se manteve em 10 pontos, faltando 10 rodadas. Só não foi para 12 pontos graças a um pênalti arrumado para o Palmeiras aos 40 minutos do segundo tempo. Um absurdo!

– O Flamengo segue quebrando recorde atrás de recorde: a melhor pontuação na 28ª rodada havia sido do São Paulo em 2007 (63), Fluminense em 2002 (62) e Corinthians em 2015 (60).

– Jorge Jesus completou um turno à frente do clube da Gávea: são 19 partidas, 16 vitórias, empates e apenas uma derrota.

– O Maracanã recebeu o maior público do Campeonato Brasileiro. Foram 69.846 presentes nesse domingo. O Rubro-Negro tem as dez melhores médias do campeonato.

Como tem sido rotina, entrou em campo os melhores. Apenas Pablo Marí e Pires da Motta, suspensos pelo terceiro cartão amarelo, não entraram.

Mesmo com praticamente todos os titulares, é difícil manter um nível de concentração lá em cima após viver uma adrenalina absurda dias atrás. A ressaca emocional era visível, inclusive da arquibancada. A própria torcida não foi a mesma de quarta-feira.

Nas duas últimas classificações pela Libertadores (Emelec nas oitavas e Inter nas quartas), na rodada seguinte do Brasileiro, o Rubro-Negro foi derrotado pelo Bahia em 3 x 0 e venceu o Palmeiras por 3 x 0 no Maracanã. Evidente que uma classificação para a final em jogo único, ganha um novo contexto. A equipe entra em campo , mas pensando no dia 23 de novembro e fazendo conta sobre como chegar em Santiago com o heptacampeonato brasileiro garantido matematicamente.

Será preciso administrar essa dupla ansiedade: a contagem regressiva pelo título brasileiro e a final em jogo único da Copa Libertadores.

O problema é que o Flamengo criou um próprio monstro: o time subiu tanto o sarrafo em termos de atuações que, ganhar um jogo tendo 63% de posse de bola e 14 finalizações significa ter sido uma partida ruim, principalmente porque enfrentou um adversário que se recusou a ficar postado na defesa esperando o apito final e levou bastante perigo, até mais do que equipes mais tradicionais jogando no Rio de Janeiro.

O CSA acertou quatro chutes. É o maior número de finalizações registrado contra o Flamengo em 14 jogos de Jorge Jesus no Maracanã. Igualando o Botafogo, que também repetiu esse número, conforme estatística do Footstats.

Diego Alves fez grande defesa e foi peça decisiva para segurar o placar que garantiu os três pontos. Desde os dois pênaltis defendidos contra o Vasco, na goleada por 4 x 1, o goleiro Rubro-Negro vem tendo ótimo desempenho. Sem contar que aprendeu de vez a jogar com esse sistema de linha defensiva alta. Contra o Grêmio ficou evidente isso.

Mesmo assim, nesse domingo, o Flamengo criou inúmeras chances, porém, desperdiçou as oportunidades criadas, que poderiam ter dado uma cara de uma vitória mais controlada, sem sustos na segunda etapa.

Por outro lado, o placar magro e a atuação abaixo da média do próprio Flamengo, que compete consigo mesmo, serve pra manter o foco de que não existe nada ganho.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *