Ninho da Nação

Chegou a hora do Flamengo lançar o sócio-torcedor para o basquete

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

O Flamengo apresenta nessa quinta-feira, no ginásio Hélio Maurício, às 18h, seu elenco do basquete para a temporada 2019/2020. O clube também irá lançar também o projeto de centenário do basquete Rubro-Negro.

A estreia do Flamengo no NBB será no dia 12 de outubro contra o Minas, fora de casa.

Pois bem: chegou a hora do clube lançar um programa de sócio-torcedor para o basquete. Desde 2010, há nove anos, lá no antigo Ninho, foi lançada a ideia, mas nunca foi pra frente. 

O Nação Rubro-Negra ultrapassou os 150 mil sócios, porque não incluir a possibilidade de pagar R$ 5 ou R$ 10 no seu plano para destinar exclusivamente ao basquete, tendo direito a vantagens e ações exclusivas?

Se por acaso, 20% dos sócios incluíssem um valor de R$ 10 ao seu plano para o basquete, resultaria em uma receita de R$ 300 mil por mês. O que é um valor enorme para o orçamento. Anderson Varejão recebia cerca de R$ 210 mil.

Outra hipótese seria criar um sócio exclusivo para o basquete. O que, talvez, não seria o ideal nesse momento.

O site pesquisou alguns programas de equipes que vão disputar o próximo NBB.

Confira:

Franca

São cinco opções, que variam de R$ 108 à vista até R$ 1944,00. Os benefícios são amplos, desde participar em ações exclusivas, sorteios promocionais e descontos em produtos até ter acesso à arquibancada, estacionamento exclusivo, área VIP ou cadeira numerada para os planos mais caros em dias de jogos.

Bauru

São quatro planos, que variam de R$ 19 até R$ 195 por mês. Os benefícios: prioridade na compra de ingressos, rede de desconto, acesso exclusivo à arquibancada, possibilidade de inclusão de dependentes com 30% de desconto e, para os planos mais caros, cadeira cativa e à beira da quadra nos jogos.

Mogi

O sócio-torcedor do Mogi contempla quatro planos: R$ 9,90 até R$ 150 por mês. São vários os benefícios: clube de descontos, prioridade na compra do ingresso e pontuação a cada ida ao jogo ou compra de produtos. Os três planos mais caros disponibilizam o ingresso gratuito aos jogos com acesso exclusivo. No plano mais caro, o sócio ganha um kit de boas vindas, uma placa de agradecimento no mural do ginásio e acesso ao camarote. O mais curioso é que nos quatro planos, o torcedor tem acesso ao grupo de whatsapp exclusivo do Mogi. Sensacional!

E o Flamengo, quando irá lançar o seu programa para os torcedores aficionados pelo basquete Rubro-Negro centenário?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

One thought on “Chegou a hora do Flamengo lançar o sócio-torcedor para o basquete

  1. Pois é.

    Eu acho que o departamento precisa estudar a melhor forma de fazer.

    Na minha opinião, fazer algo separado do sócio torcedor atual pode desmotivar as pessoas a fazerem. Entendo que a idéia de tem um extra na mensalidade já existente seja melhor pra ajudar na adesão. Aí cabe ao Flamengo estudar e ver o que poderia ser feito e qual a melhor forma.

    Mas que precisamos aproveitar essa lua de mel do torcedor com o Flamengo, precisamos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *