Ninho da Nação

Brasileiro 2019: Avaí 0 x 3 Flamengo

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

Sem três jogadores titulares, entre eles dois do tripé que comandam as ações ofensivas – Arrascaeta e Bruno Henrique, o Flamengo manteve a mesma postura tática, ofensiva e de concentração, e venceu o Avaí, em Brasília, por 3 x 0.

Após a rodada desse domingo, o Rubro-Negro é o líder isolado com 39 pontos, deixando o Santos em segundo com 37 e o Palmeiras com 33 pontos.

Foi a terceira vitória seguida pelo mesmo placar. Nas últimas cinco partidas, são 16 gols marcados e apenas dois sofridos pelo Campeonato Brasileiro.

No entanto, ontem, conforme o próprio Jorge Jesus destacou, o Flamengo não foi uma equipe sólida defensivamente, como contra contra o Palmeiras. Por incrível que pareça, o Avaí deu mais trabalho ao Diego Alves do que o time paulista.

O goleiro Rubro-Negro voltou a ser decisivo e a viver uma grande fase em um momento crucial na temporada, com defesas importantes.

Vamos aos números:

Nas últimas cinco partidas (Grêmio, Vasco, Ceará, Palmeiras e Avaí), os adversários chutaram 55 vezes, sendo 17 no gol. Desses, Diego Alves sofreu apenas dois gols.

Nos quatro jogos anteriores (Goiás, Corinthians, Bahia e Botafogo), foram 43 chutes, sendo 15 gol no gol. Desses, Diego Alves sofreu sete gols. Ou seja, a cada dois chutes certos, um entrava na rede.

Com alguns destaques: foi peça decisiva na vitória contra o Vasco com dois pênaltis defendidos, usou bastante a experiência contra o Inter no Beira Rio e ontem, contra o Avaí, fez pelo menos duas grandes defesas que antigamente aceitava.

*********************************

Jorge Jesus quebrou pelo menos dois paradigmas no futebol: uma, é a volta do esquecido 4-4-2 após um longo 4-3-3; e a outra é ver uma equipe vencendo e não recuando para segurar o placar, afinal, a melhor defesa é ter posse de bola e impedir que o adversário te ataque.

Há muito tempo o Flamengo utilizava o batido 4-3-3, com dois pontas abertos pra fazer assessoria dos laterais. Jorge Jesus acabou com essa história. Voltou a utilizar dois atacantes, o que antes parecia um absurdo. Daí a válida insistência em ter Reinier para o jogo desse sábado.

Nesse Flamengo não há dois pontas, não há um atacante dentro da área esperando as bolas erguidas. Hoje, é uma equipe cujo meias viram atacantes, tabelam com os laterais e ainda ajudam a fechar a marcação. O atacante não é um nove clássico ou um pivô que precisa rezar para receber uma bola, ele sai bastante da área e se movimenta em praticamente todos os campos ofensivos.

Outro ponto que causa grande euforia é o fato de Jorge Jesus, vendo o Flamengo vencendo o Avaí por 3 x 0, tirar o volante de origem, Pires, e colocar um atacante, escalando Arão de primeiro volante. É uma das coisas que conquista a torcida Rubro-Negra facilmente.

Jorge Jesus força um exercício de concentração da equipe até o apito final. Seria bem mais confortável, para um time médio, simplesmente esperar o final do jogo. Mas o treinador Rubro-Negro insiste em não deixar o Flamengo na zona de conforto, mas em manter suas características de pressão na saída de bola e troca de passes mesmo com o placar favorável de 3 x 0.

Tem sido prazeroso ver esse time jogar. Mesmo com importantes desfalques o Flamengo não perdeu sua identidade, que, diga-se, ainda está sendo criada por Jorge Jesus.

O nome do jogo foi Gérson, provando a versatilidade, atuou dessa vez como terceiro homem de meio de campo, mais avançado, e novamente teve uma atuação espetacular. Não há espaço no campo ruim para o atleta.

Impossível não falar da estreia de Reinier, 17 anos, sendo um dos destaques com um gol e uma assistência. Por pouco não ficou de fora por uma convocação esdrúxula da seleção. Valeu a insistência do treinador e o bom trabalho do jurídico do clube.

Da mesma forma Gabigol, que, se não errasse pelo menos uns três passes decisivos no primeiro tempo, o placar teria sido de de quatro ou cinco gols.

Jorge Jesus terá agora mais uma semana para preparar o Flamengo visando a final do primeiro turno contra o Santos de Sampaoli, no próximo sábado, no Maracanã.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

One thought on “Brasileiro 2019: Avaí 0 x 3 Flamengo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *