Ninho da Nação

Forçando para ser negociado, Cuéllar pede para não viajar e Flamengo afasta o volante

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

O volante Gustavo Cuéllar, que renovou contrato no ano passado até a metade de 2022, pediu para não viajar e não jogar contra o Ceará nesse domingo, pelo Campeonato Brasileiro, e o Inter, na quarta-feira, pela Copa Libertadores.

O colombiano alegou problemas pessoais, motivo considerado insuficiente para a diretoria do Flamengo, que o afastou “por tempo indeterminado”.

A verdade é o que atleta repete o mesmo procedimento de jogadores que buscam uma saída forçada do seu clube quando recebe alguma proposta. O problema que o Flamengo mantém o salário do jogador em dia, o contrato foi renovado recentemente até julho de 2022 e a proposta ainda está longe do ideal.

A diretoria mantém a postura de não negociar Cuéllar.

O Flamengo está a dias de voltar a se classificar para uma semifinal de Copa Libertadores após mais de 30 anos e seu principal volante, um dos ídolos da torcida, resolve não viajar mais para ser vendido. Segundo informações do Globo Esporte, o jogador já não estaria com cabeça para enfrentar o Vasco e o Internacional, mas foi convencido a entrar em campo. É o cúmulo do desrespeito, principalmente com seus companheiros.

Para quarta-feira que vem o Rubro-Negro já tem o desfalque confirmado de Arão, suspenso. E agora ganha outro problema. É inacreditável a falta de consciência do Cuéllar, que sempre primou pelo profissionalismo, mesmo aguentando a reserva do inominável Márcio Araújo.

O volante reserva Pires será a opção. É torcer para Jorge Jesus transformar o paraguaio da mesma forma que fez com William Arão. Lembrando que o volante, no final de maio, pediu para não ser convocado por sua seleção para seguir treinando no Flamengo.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *