Basquete: Flamengo anuncia Léo Demétrio. Base Rubro-Negra vence na estreia da LDB

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

O Flamengo anunciou a contratação de Léo Demétrio, 24 anos, 2,08 cm. É o estilo de atleta preferido do Gustavo de Conti: versátil, capaz de jogar na posição três, quatro e, se precisar, em uma rotação mais leve, atuar na cinco em algumas circunstâncias.

Em 2017, concedeu entrevista para o site Área Restritiva e destacou suas características dentro de quadra:

“Nessa offseason, eu estou treinando bastante meu drible, que é uma coisa que eu tenho que melhorar também. Meu arremesso eu continuo trabalhando sempre. Eu vejo que eu sou um 4, que pode ser um 5 e pode ser um 3. Eu estou me desenvolvendo fisicamente, para na próxima temporada conseguir ser um jogador com um jogo interior mais forte, para poder fazer uma posição 5 com maior consistência, tanto defensivamente quando ofensivamente. E ao mesmo tempo ser um lateral, por que desenvolvendo meu arremesso é mais uma possibilidade. E quanto mais opções você poder dar para o treinador, melhor”.

Demétrio foi revelado pelo Minas, onde jogou por cinco anos. Em sua última temporada (2015/2016) na cidade de Belo Horizonte, pelo NBB, obteve média de 10,7 pontos e 5,6 rebotes.

Considerado uma das revelações do basquete brasileiro, se transferiu aos 22 anos para a divisão de elite do forte campeonato espanhol: foi contratado pelo Montakit Fuenlabrad. Em seguida se transferiu para o Força Lleida, da LEB – segunda divisão do basquete espanhol. Com média de 22,5 minutos por partida, teve média de 10,9 pontos e 5,6 rebotes, com 36,5% de acerto nos tiros de três pontos.

Na temporada seguinte, foi contratado pelo Breogán. Com 20,5 minutos de média em quadra, obteve média de 8,7 pontos e 5,5 rebotes por jogo. Foi um dos responsáveis por fazer sua equipe campeão da LEB e, assim, garantir o acesso à divisão especial do campeonato espanhol.

Na última temporada, jogou pelo Bilbao. Novamente chegou à final da segunda divisão, no entanto, dessa vez, sua equipe foi derrotada pelo Real Betis. Com 18,6 minutos de quadra, contribuiu com média de 8,4 pontos por jogo, 5,1 rebotes e aproveitamento acima dos 30% nos tiros de três.

ELENCO

Na composição do elenco, após a saída do Anderson Varejão, o Flamengo ainda busca a contratação de um pivô clássico. O nome é Vitor Favenari.

LIGA DESENVOLVIMENTO DE BASQUETE

Na estreia da LDB, o Flamengo estreou com vitória impressionante. Jogando no Tijuca, o Rubro Negro atropelou o Maringá por 91 x 23.

O armador Pedro Nunes, que também jogará na equipe adulta para revezar com Balbi, foi o cestinha com 18 pontos em 17 minutos. Ruan também se destacou, anotando 17 pontos, com 11 rebotes em 19 minutos. Matheus Weber, que veio do Paulistano, terminou com 14 pontos, cinco rebotes e três assistências. Matheusinho, um dos destaques da base, contribuiu com 11 pontos e cinco assistências.

Ninguém atuou mais do que vinte minutos. No total, o Flamengo apanhou incríveis 58 rebotes contra 30 do adversário. De negativo, o aproveitamento ruim da linha de três: 3/18. Que chegou a ser 0/9 no primeiro tempo.

O clube da Gávea busca o tricampeonato do principal campeonato de base do basquete brasileiro e volta a entrar em quadra nessa quinta-feira, também no Tijuca, às 13h:30min, contra o União Corinthians.

 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

45 thoughts on “Basquete: Flamengo anuncia Léo Demétrio. Base Rubro-Negra vence na estreia da LDB

  1. Bom, se o Flamengo realmente continua atrás de um cincão, então a vinda do Leo é excepcional pra termos muita rotação. Agora, se ele vier e fechar o elenco assim, me preocupa não ter havido reposição forte no garrafão, ficando apenas com Mineiro como pivô de fato. Vamoa aguardar.

  2. Atualizando melhor sobre o Faverani. Só volta no início de dezembro. Não vale a pena nem se o Flamengo começar a pagá-lo somente quando começar a jogar e, daí em diante, cumprir um contrato de risco, por aproveitamento. Nem assim. O duro é que nem o Mineiro é exatamente um pivô. Olhem em retrospecto a carreira dele, no Pinheiros jogava até de ala. È indispensável a presença de um pivô para a variação de repertório ofensivo – dentro e fora. Não dá pro Cabeleira voltar?

  3. Se o Faverani ta lesionado e só volta em dezembro, não valeria arriscar nem se a liga das américas fosse ano que vem, porque o histórico de lesão dele é imenso.

    Não tem alternativa, vamos gastar então a última vaga de estrangeiro. Mas é importantíssimo ocupar essa vaga no garrafão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.