quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Em 15 meses, Flamengo reduz dívida em 14,6%

Ótima postagem do blog "Sócios Pelo Flamengo", grupo no qual faço parte, sobre o real endividamento do Flamengo após as demonstrações financeiras de 2013 e o primeiro trimestre de 2014.

"O endividamento real do clube, ao término do primeiro trimestre do ano de 2014, foi de R$ 610 milhões. Em um ano e três meses, o clube não só interrompeu a trajetória de crescimento do endividamento observada nos últimos anos, como o reduziu em 14,6%, R$ 105 milhões de reais."

Leia a análise aqui.

O controle do déficit financeiro é um dos pontos previstos na Lei de Responsabilidade Fiscal do Esporte. 

3 comentários:

João Duarte disse...

Os ventos estão mudando.

O meu grande pesar com essa crise do futebol e o consequente desgaste politico dos blues é a dificuldade que teremos em aprovar o novo estatuto até Dezembro. Por sinal, alguma noticia desses tramites?

Abraços,

André Amaral disse...

Esqueça João. Não vai ter mais discussão sobre isso. Ou faz nos primeiros meses de mandato ou adeus clima político.

Anônimo disse...

André, acho que na verdade o resultado do futebol é que diz o clima político, futebol vai bem, e clube bem acertado administrativamente as coisas andam no clube, futebol vai mal e clima político acaba, como é a situação no momento.
Se o futebol se recuperar talvez seja possível, mas agora tudo depende do futebol.