quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Derrota em Franca, faltou controle emocional. Que venha a Liga das Américas

Franca ganhar do Flamengo é motivo de festa, como se fosse um título ganho. Como os francanos falam: "ganhar do Flamengo é bom demais". É, hoje infelizmente não deu, o time não teve controle emocional e se perdeu completamente na defesa. Final: 101 x 91.

Brasília assumiu a liderança com 13 jogos e 10 vitórias, enquanto o Flamengo tem 12 jogos e 9 vitórias.

Partida excepcional de Baby. Quase 15 minutos em quadra e 21 pontos e 11 rebotes. Méritos totais para Gonzalo Garcia que recuperou o basquete do nosso pivô e as jogadas ofensivas no garrafão.

Teichmann também confirma a excelente fase. Mais um double-double: 14 pontos e 11 rebotes, mas saiu com cinco faltas. Fez duas logo no primeiro quarto e sem o Jéfferson para revezar ficou sobrecarregado. Mas é incrível também a recuperação do seu bom jogo desde a chegada de Garcia.

Os dois dominaram o primeiro quarto, Baby marcou 12 pontos e Teichmann 07, mas Franca vencia por 27 x 19 Flamengo.

Marcelinho terminou com 38 pontos depois de um primeiro quarto zerado. O nosso capitão joga muito, fez uma jogada linda na ponte aérea com Teichmann, mas perde a cabeça facilmente, e o pior, contamina o time todo.

Foram cinco faltas técnicas contra o Flamengo, decisivas para a vitória de Franca. O time não é mais inexperiente pra ficar caindo na pilha da arbitragem. Liga das Américas vem aí.

A missão de Gonzalo Garcia não parou. É preciso recuperar o jogo dos nossos armadores. Hélio e Fred não fizeram uma boa partida, e foram completamente dominados por Benite e Penna.

E a defesa também falhou muito. Mas o foco central está no momento ruim que os nossos armadores vivem. Quando o time encostava no placar, o descontrole chegava e a defesa não segurava o jogo lá trás.

Claro que os desfalques prejudicam, as viagens, os jogos seguidos, mas é muito mais manter a cabeça no lugar, jogar com alegria, que sempre foi a característica do time durante as temporadas, e ter calma na hora de decidir.

4 comentários:

Lívia disse...

Cara, que descontrole emocional foi aquele ontem?????

Um monte de faltas técnicas, jogadores reclamando o tempo todo.

Bábby voltou a jogar bem, aleluia! E o Teichmann tem jogado cada vez melhor. Tudo bem que ele voltou a jogar bem há pouco tempo, mas acho até que ele merecia ter sido chamado pro jogo das estrelas.

Realmente, essa temporada não está sendo das melhores pro Hélio.

Agora, eles terão jogos importantíssimos pela frente, lá no México e é bom dar uma relaxada, uma espairecida pra não acontecer esse descontrole todo de novo.

Miguel Gonzalez disse...

André, pelo visto o problema do time de basquete do flamengo não era o técnico....

Outra coisa, o Fla renovou com o Cielo. E aqueles outros brasileiros que atuavam nos EUA? Eles também renovaram?

mborges disse...

Não pude ver grande parte do jogo, mas 5 faltas técnicas é brincadeira... Acho que nunca vi isso antes em uma partida! Pra mim, é inaceitável um time experiente como o nosso se descontrolar desse jeito. Ou então a arbitragem não foi imparcial como deveria. O que vcs acharam da atuação dos árbitros?

Lívia disse...

Mborges, até achei que a arbitragem não foi das melhores. Realmente, eles até tiveram, em alguns lances, motivos para reclamarem.

Mas, mesmo assim, não justifica todo esse destempero.